terça-feira, 28 de março de 2017

Ensopado de Batata Doce


Este prato teve como inspiração  um programa da Rita Lobo, Cozinha Prática. Substitui um ingrediente  (iogurte) pela linguiça Blumenau.

Ingredientes
- 5 batatas-doces (cerca de 1 kg)
- 1 cebola
- 3 dentes de alho
- 1/2 colher (sopa) de gengibre ralado
- 1 colher (sopa) de extrato de tomate
- 2 colheres (chá) de curry
- 1 pimenta dedo-de-moça
- 2 colheres (sopa) de azeite
- 2 1/2 xícaras (chá) de água
- 4 folhas de couve
- 1 Linguiça tipo Blumenau sem pele
- sal a gosto

Modo de preparo
1) Faça o pré-preparo:
- descasque e corte as batatas em cubos grandes; transfira para uma tigela e cubra com a água para não escurecer;
- descasque e pique fino a cebola e o alho;
- lave, seque e rasgue as folhas de couve com as mãos ou pique em chifonade (tiras finas)
- lave, seque, descarte as sementes e corte a pimenta-dedo-de-moça em fatias finas.
- retire a pele da linguiça Blumenau
  Lave as mãos para que não fiquem ardendo!

2) Leve uma panela média ao fogo médio. Quando aquecer, regue com o azeite, adicione a cebola e a linguiça, tempere com uma pitada de sal e refogue por cerca de 5 minutos, até começar a dourar.
3) Acrescente o alho, o extrato de tomate, o curry, a pimenta e o gengibre e mexa por 2 minutos.
4) Junte as batatas com a água, misture para incorporar os sabores do refogado e deixe cozinhar em fogo médio até ferver.
5) Diminua o fogo e deixe cozinhar por mais 30 minutos, até a batata ficar macia.
6) Transfira uma concha do caldo com pedaços de batata para um prato fundo e amasse com um garfo.
7) Volte o caldo para a panela e deixe cozinhar por mais 2 minutos para engrossar.
8) Desligue o fogo e misture as folhas de couve - elas cozinham com o calor do caldo.

9) Tempere com sal e sirva a seguir.

Segue o link da receita no site.

Linguiça Tipo Blumenau
Linguiça pura de suíno, defumada e temperada com alho
Assim como alguns produtos são lembrados pelo nome de uma marca, outros carregam a cultura de um determinado local. A Linguiça Blumenau, por exemplo, é considerada um ícone gastronômico do Vale do Itajaí. A iguaria, que já conquistou todo o Brasil, chegou à região através dos imigrantes alemães. A necessidade de manter a carne conservada por mais tempo fez com que eles começassem a produzir a linguiça, baseados nos modelos consumidos na Europa.


O clima da região e o processo de defumação artesanal deixaram o produto com a cara do Vale Europeu. Como na época Pomerode fazia parte do distrito de Blumenau, os visitantes de outras cidades sempre pediam ‘a linguiça de Blumenau’ e por isso ela foi batizada com o nome do município, em forma de homenagem.